Lista Parcial de Locais de Mergulho

Lista Parcial de Locais de Mergulho

Canteiros de Coral e profundidades de 16 metros ou menos.

1. Ponto do Tete (Tete's Place) – Este local fica bem na frente da loja de mergulho, cerca de 800 metros da praia. Tem uma profundidade máxima de 13 metros e pouca ou quase nenhuma corrente. O mergulho se inicia na areia a 9 metros do fundo de uma pequena barreira de 3 metros e continua acompanhando a barreira. Na metade do tanque viramos e nadamos de volta ao barco no topo da barreira e sobre uma base de coral coberta por corais em boas condições. A atração principal desde mergulho é a variedade e número de peixes. Sempre existem grandes cardumes de salmonetes-da-rocha, roncadores, lucianos, jaguareçás, de tamanho mediano nesta área. Hesitamos em dizer, já que em diversos locais pode-se dizer o mesmo, mas aqui a sensação é a de estar nadando em um aquário. Nos avise se depois você discordar disso!

2. Cidade das Arraias (Manta City) – Desculpem-nos, apesar do nome não existem arraias-manta. O termo local para aqualquer arraia é manta, por isso o nome. O que você encontrará aqui são as raias-prego, algumas delas com largura de até 1,5 metros. O local tem uma profundidade máxima de 13,5 metros. Começa sobre a areia  onde as arraias gostam de passear e então você nada junto, ao redor e entre grandes montículos de canteiros de coral do tamanho de uma casa média. Quando estiver mergulhando acima da areia entre os montículos de coral você passará por cima de campos de vermes espanadores e se você ficar atento perceberá as enguias-de-jardim marrons enquanto elas se escondem na areaia procurando proteção enquanto você passeia.  Os corais possuem cardumes de espécies variadas de peixes e as ocasionais enguias e lagostas.

3. Ponto dos Hippies (Hippies Place) – Um local suspenso no tempo. É um pequeno e lindo local na área leste da ilha e dentro do recife. É o mais próximo dos atóis de corais do pacífico sul. Este local tem uma profundidade máxima de 13,5 metros e o mergulho pode ser finalizado em até 2 metros de profundidade no topo do coral. Tem o formato de uma ferradura e mergulhar ao redor dele o leva de volta ao barco em um caminho em forma de círculo. Juntamente com as interessantes formações de corais e as costumeiras criaturas pertencentes ao recife do lado mais distante, da borda mais profunda, você verá cardumes de peixes que estão passando pela área e normalmente uma ou duas arraias na areia.

4. Baixo de San Felipe (Bajo San Felipe) – Cerca de 1km da praia. Tem seu nome inspirado na área em que fica em sua frente. Tem um fundo arenoso de 13,5 metros do qual você pode mergulhar junto à base de um grande coral disperso. Quando alcançamos metade do tanque subimos ao topo do canteiro de coral e continuamos a mergulhar por mais 6,5 metros e ou voltamos ao barco de manhã ou simplesmente continuamos na mesma direção para que depois o barco nos apanhe. Este é um local com muitas esponjas multicoloridas e corais e é um de nossos favoritos para os mergulhos noturnos.

5. Ponto do Paulino(Paulino's Place) -  Localizado no extremo sul da ilha, na área de Manta City, este local tem um fundo arenoso onde os barcos ancoram. A profundidade máxima é de 13 metros. Saindo do barco você encontrará um grande coral disperso que leva cerca de 45 a 50 minutos para percorrer até de volta ao barco. Geralmente encontramos raias-prego aqui e ultimamente tem aparecido grandes meros-tigre na área. Em alguns momentos é possível avistar uma jovem tartaruga-de-escama.

Mergulho de Parede – Leste de Providencia

Existe uma parede de grande extensão ao longo da parte leste do sistema de recifes. A parede é muito íngreme e é ótima para realizar grandes mergulhos. (nota do autor: Eu acho que é realmente uma parede excepcional e rivaliza aquelas que eu vi em outras partes do Caribe. Já que mergulho em paredes é um dos meus favoritos, eu poderia falar poeticamente sobre cada um dos locais mas vou poupá-los desta vez. Peço que me ajudem a descrevê-la com suas próprias palavras.) Todas as outras locações das paredes externas são abençoadas com grandes cardumes (de centenas a milhares) de gudiões-crioulo que tem seu fluxo rente a beirada do recife e cada um desses locais de mergulho existe a possibilidade de se encontrar tartarugas, arraia-chita e ocasionalmente tubarões. Em alguns pontos uma plataforma é visível a cerca 45 a 60 metros e em outros lugares é simplesmente azul escuro. Existem diversos canyons e algumas cavernas pequenas. O sistema de cavernas não é extenso, então se este for o seu interesse, você já pode ficar sabendo disso a partir de agora. A corrente aqui vai de pequena até moderada fornecendo muitas chances de examinar a vontade o interessante ecosistema de paredes. Embora exista pouca corrente geralmente executamos esses mergulhos como mergulhos de correnteza permitindo com que o barco nos colete no fim do mergulho para assim termos um mergulho relaxante com o máximo de tempo possível na parede.

1. Cantil de Santa Catalina – É um mergulho de 24 metros sobre fundo arenoso rente a uma parede que se levanta até 12 metros em seu ápice. O mergulho se inicia sobre o fundo arenoso onde existem diversos montículos de coral a serem examinados e então vamos em direção a parede. Esta parede contém corais em muito boas condições, de vários tipos. Geralmente se vêem cardumes de escalos-do-norte visitando a parede e conchas-rainha no fundo da areia. Moréias verdes e lagostas gostam de passear pelos muitos orifícios e rachaduras.

2. Canal – é na verdade dois locais, os lados esquerdo e direitos do canal de navegação que levam até o porto de Catalina. O ponto de mergulho fica convenientemente demcarcado com a bóia marítima. Nossa preferência é iniciar o mergulho na beira externa do canal onde você encontra um fundo arenoso a 21 metros da base da parede que se ergue em 9 metros. Daqui você pode seguir o canal internamente, subindo pela parede e e terminando seu mergulho nos platôs que ficam em ambos os lados do canal a uma profundidade de 4,5 a 6 metros. Este mergulho é uma adorável mistura de corais macios e duros com alguns corais tipo pilar realmente belíssimos localizados no lado direito. A abundância de entrâncias e saliências contém grande variedade de criaturas a serem descobertas.

3. Ponto do Felipe - (Felipe's Place) – Um dos favoritos para mergulho em parede. O mergulho inicia a uma profundidade de 10 metros em um platô de corais com com mergulho rápido até o muro propriamente dito. A entrada para a parede é um projeção arenosa que o leva até uma parede íngreme e variada que algumas vezes revela um fundo e as vezes não. Popularmente se mergulha esta parede pelo lado direito até se alcançar um pequeno canyon o qual você segue até sua borda e então terminar o mergulho no platô.

4. Cromis – este é um mergulho usando a mesma bóia que o Ponto do Felipe, mas ao invés de virar a direita vamos para a esquerda e seguimos a parede. É popular graças ao grande número de cromis azuis que se encontram aqui. Na verdade quando estamos aqui gostamos de virar a direita e nadar canyon acima então só fazemos este percurso se o cliente assim desejar ou se estamos com pessoas que já passaram pelo Ponto do Felipe e querem ver algo diferente.

5. Confusão (Confusion) - Com este nome devido as diferentes nomenclaturas para o local de mergulho. Inicia a 12 metros e fica acima de uma parede que desliza para o azul profundo. Pode ser mergulhado em qualquer nível dependendo de sua experiência e do que você estiver procurando nesse dia. É um bom local para encontrar grandes cardumes de  xaréus azuis, xaréus olhudos e pargos cauda amarela. Claro que sempre estaremos a procura pelos cardumes de gudiões-crioulo que estão por toda a extensão da parede.

6. Connoly – é uma bela parede que começa a 12 metros e é mergulhada até o limite recreacional. Mergulhamos neste local a direita e após 15 minutos em um ritmo tranquilo chegamos a duas paredes de coral separadas por 9 metros entre elas. A parede a direita tem 3 cavernas. Duas pequenas cavernas aos 24 metros que estão interconectadas mas não servem para mergulho pois a passagem é muito pequena. Aos 27 metros existe uma caverna maior onde é possível encontrar tubarões-lixa dormindo. Geralmente nadamos parede acima e terminamos o mergulho sobre uma plataforma aos 12 metros.

7. Escada para o Paraíso (Stairway to Heaven) – é um mergulho profundo iniciando a 24 metros em uma nascente de areia que o leva a impressionante desfiladeiro que escoa nas profundezas do oceano. Deste ponto você pode ver vários platôs de pequeno tamanho que lembram as escadas daonde se tira seu nome. A parede aqui é vertical e muito colorida e quando a água é limpa a visão é emocionante.

8. Excesso de Nitrogênio (NX - Nitrogen Excess) – assim chamado pois começa em profundidade e se torna ainda mais profundo. A beira da parede fica a 30 metros e o local fica sobre uma fissura profunda que continua até 60 metros ou mais. É um mergulho curto graças a sua profundidade mas a vista espetacular faz valer a pena. Este local é para mergulhadores avançados com imersão até o limite recreacional e melhor se realizado com computadores.

9. Rocha da Tartaruga (Turtle Rock) – sua estrutura é inigualável e é visitada frequentemente. É uma grande rocha separada da parede por uma curta saliência. Tem a forma de uma tartaruga já que o topo é redondo e largo e a base da rocha é mais estreita que a parte superior, dando a impressão de ser uma tartaruga sobre um pedestal. O mergulho inicia em 18 metros em uma bóia que fica a cerca de 45 metros da parede. Enquanto nada até o muro você chega ao topo da Rocha da Tartaruga em 21 metros. Daqui você pode nadar mais profundamente e ao redor da rocha até sua base em 36 metros e depois rente a parede. O mergulho é finalizado subindo a parede algumas vezes em um pequeno canyon que oferece efeitos de luz impressionantes enquanto se vê o azul profundo.

10. Espiral – é uma grande caverna com a entrada a 42 metros. Possui uma boca em sua parte superior que você nadará em uma espirtal semelhante a uma escada espiral e a saída da caverna fica a 30 metros. É um bom local para encontrar grandes paixes como a garoupa de Nassau e o baúna. O mergulho continua rente e acima a parede até seu topo aos 21 metros.

11. Ponto do Nick (Nicks Place) – é um mergulho de parede que inicia em uma bóia na beirada da parede em 15,2 metros. Este mergulho pode ser realizado até o limite recreacional em uma parede vertical que tem diversos afloramentos visíveis delineados pelo mergulho ao fundo azul. Cuidado com os tubarões de recife e tartarugas enquanto passeia pela parede. O mergulho pode ser realizado em qualquer direção, dependendo da corrente. Terminamos o mergulho no topo da parede a 15,2 metros de água.

12. A Caverna (The Cave) – é uma pequena caverna cerca de 6 metros por 3 em uma profundidade de 33 metros. É o local para muitas esponjas coloridas então traga uma lanterna para ver as vermelhas, amarelas, laranjas e verdes. O mergulho termina no topo da parede em 21,3 metros. Os visitantes costumeiros desta parede e os habitantes locais são vistos por aqui.

13. Planchon – é uma velha barcaça que trazia barris de óleo para a ilha quando afundou durante a segunda guerra mundial. Tem incríveis 90 metros de comprimento e fica a 22,5 metros de água. Está repousando em seu convés achatado então você conseguirá ter uma boa visão do casco. Existem algumas pequenas aberturas que você pode olhar mas não é um naufrágio que permite entrada, já que contém barris de óleo  em deterioração. A parte inferior do casco (parte superior do naufrágio) fica a cerca de 13,5 metros e tem sido colonizado por uma variedade de corais e criaturas de recife. Geralmente existe um número grande de baúnas na vizinhança os quais fornecem uma visão impressionante.

14. Convento – um local marcado por bóias que inicia a 15 metros na beirada de uma cavidade arenosa cercada por um margem de corais com 3 metros de altura. Em certo ponto após seguir essa margem você chega a beirada da parede em 18 metros e pode escolher entre continuar na margem ou mergulhar a parede a qualquer profundidade até o limite recreacional. Normalmente mergulhamos a parede pela direita e perto do fim do mergulho voltamos a cavidade arenosa onde o barco está atracado.

15. Três Casinhas (Tres Casitas) – têm uma bóia em 13,5 metros de água na beirada da parede. Neste ponto a parede desce a 30 metros onde você encontrará um fundo arenoso plano. Aqui existe um grande orifício no coral com cerca de 1 metro de largura e com grande profundidade. É um ótimo local para avistar meros-tigre, garoupas e bodiões-de-pluma.  Terminamos o mergulho de volta ao topo da parede em cerca 18 metros de água.

16. Banco de Areia dos lucianos – Tem este nome devido ao fato de ser um bom local para a pesca e para avistar lucianos. Gostamos pois é um local onde pode-se encontrar com facilidade tubarões-lixa de 1,2 metros até 2,1 metros dormindo sob as saliências que se encontram aqui. Enquanto se nada rente a parede geralmente vemos lucianos sozinhos e cardumes de xaréus-carvoeiro e xaréus olho-de-cavalo. O local tem uma profundidade máxima de 21 metros. Outro dia (03/2006) encontramos um muçum-pintado aqui pela primeira vez.

Fora do Recife

Estes são os pontos onde menos se mergulha na ilha pois são mais afetados pelo ambiente do oceano aberto, como ondas, vento e correnteza. Quando houverem as condições corretas, existem diversos locais que descobrimos ser muito recompensadores.

1. Dos Puntas (Dois Pontos) – Este local consiste de duas cadeias submarinas que correm ao sul na ponta extrema sul do lado externo. O mergulho inicia em 18 metros de água e gradualmente sofre um declive até 26 metros. Durante o mergulho você vagueia entre os dois pontos e entre os corais gorgorianos e pedregosos em ótimas condições.

2. El Jardin (O Jardim) – Algumas vezes afetado por correntes moderadas este local tem esse nome graças ao passeio que fará por ele. O mergulho inicia em 23 metros em uma gentil corveta de areia e grama que carrega uma boa população de rainhas-concha e se extende em uma corveta gradual sobre uma grande quantia de lindos e coloridos corais e esponjas incluindo-se muitas esponjas barril de grande tamanho. Existem alguns montículos de coral maiores com corais de pilar que concentram cardumes interessantes de peixes e geralmente moréias. Quando a água está clara a visão que este local oferece dá um senso real da vastidão do mar Caribenho.

3. Crystal (Cristal) – é um naufrágio na beira do recife que fica a 11,5 metros de água. A embarcação originalmente tinha 60 metros de comprimento a com o passar dos anos tem se partido por tempestades que espalharam os pedaços no fundo do oceano. Fornece bons locais para corais e esponjas se agregarem e tem muitos orifícios e esconderijos para peixes e mergulhadores passarem. O naufrágio é lar para uma imensa variedade de peixes incluindo lucianos e bicudas com aparição ocasional de tubarões-negros e tubarões-lixa.  Existem frequentes cardumes de escalos-do-norte que adicionam um pouco a atmosfera do mergulho. Quando terminar de explorar o naufrágio seguimos rente ao recife para ver a estrutura frontal dos recifes e a comunidade marinha.

4. Anita – outro naufrágio - Fica localizado na parte externa do recife no lado oposto a Ilhota do Caranguejo (Cayo Congrejo) e assim como o Cristal, tem de se despedaçado graças as tempestades. O barco fica próximo ao recife em 10.5 metros de água e como está ali apenas a alguns anos (desde 2001) ainda está tentando se adaptar a comunidade de recifes. Nesta área aguardaremos pela visita dos peixes e com esperança poderemos ver o grande cardume de ubaranas que residem nessa área. Depois de explorar o naufrágio seguiremos rente ao recife que nesta área consiste de pilares de corais pedregosos de 3 metros de largura que se extendem até 10  metros na superfície. Existem muitas cavernas pequenas e orifícios para serem investigados pelo caminho.

5. Banco Sul (South Bank) – é, como sugere o nome, um banco submarino ao extremo sul da ilha fora do recife. Pescadores locais frequentam esta área a procura de bonitos e peixes do fundo. O local é profundo iniciando em 24 metros e geralmente é afetado por fortes correntes. Isto não representa uma preocupação com a segurança já que realizamos esse mergulho como mergulho de correnteza mas pode afetar o mergulho já que a correnteza algumas vezes nos leva para fora do local mais rápido do que gostaríamos. A atração deste local é a possibilidade de ver um grande número de lucianos e garoupas de grande tamanho tais como são vistos pela maioria dos mergulhadores do Caribe. Para mergulhadores experientes que querem testar a sorte esperando por boas condições que permitam um mergulho satisfatório, a recompensa será muito grande.

6. Canal de Timkam (Timkam Chanel) – é um mergulho raso de 10 metros que o levará através de uma fenda no recife na frente da Praia de Manzanillo. É interessante seguir essa passagem natural e ver o que mais estará usando ela no dia. Geralmente oferece uma visibilidade perfeita e passa uma sensação diferente do que os mergulhos de parede e canteiros de coral. Quando as condições estiverem corretas, pode-se aproveitar como como uma mudança do cenário comum.

Recife Norte

O recife de barreira tem cerca de 1,6 km de extensão, rente ao lado leste de Providencia em cerca de 18 km ao norte da ilha, terminando em uma pequena seção exposta do recife coberta com areia que possui um farol navegacional instalado (torre tubular de metal com uma fonte de luz em seu topo). No mapa se designa “Ilhota Baixa” (Low Cay). Localmente conhecida como “El Faro” e também chamada de Ponto do Recife. Em dias calmos, viagem a essa parte do recife rendem um ótimo passeio e geralmente são realizadas como passeios diários com almoço na ilhota. Graças a curta distância e tempo necessário para realizá-la, esta viagem custa pouco mas vale a pena.

1. Rocha de Mesa (Table Rock) – é um local de mergulho raso, com profundidade de 8 metros que pode ser realizado via passeio de snorkel, mas que pode ser melhor aproveitado, em nossa opinião, como mergulho. Consiste em um extenso sistema de câmaras que são conectados por passagens amplas. É um ambiente elevado mas você sempre terá uma boa vista. Quando estiver nessas câmaras você terá a sensação de estar em uma sala com vista para o oceano (só que debaixo d'água) e os efeitos luminosos são realmente espetaculares. Por este motivo consideramos melhor que seja realizado como mergulho, pois você desejará passar seu tempo aproveitando o passeio entre as câmaras.

2. A Enseada (The Bight) – é um mergulho de parede no local do recife. Você comecará o mergulho em uma plataforma de areia aos 18 metros onde encontrará a beirada da parede. Há um degrau de areia que é visível a 45 metros. Este mergulho pode ser aproveitado em qualquer profundidade entre a plataforma de 18,3 metros até o limite recreacional de 39,6 metros. De vez em quando será necessário olhar para trás, longe dos belos corais e esponjas da parede, para ver o que aparecerá para cruzar a beirada do recife neste dia.

3. Andy (The Andy) – é um naufrágio localizado a 10,5 metros de água na parte externa do recife. Graças tempestades que o assolaram, a nau tem se despedaçado pelos anos deixando muitos locais para peixes e criaturas. É um bom local para avistar mero-crioulos de tamanho moderado e com sorte tubarões de recife e tubarões-dormedor. E como atrações extras são duas escavadeiras bulldozer que estão sendo transportadas para a ilha. Após visitar o naufrágio você pode explorar a extensa plataforma de areia e o coral na frente do recife.